LafargeHolcim se posiciona sobre nuvem de poeira nas imediações da fábrica

No início da tarde desta quinta-feira (14), reclamações surgiram nas redes sociais a respeito de uma nova nuvem de poeira dentro do território da Fábrica de cimento LafargeHolcim.

Em nota, a empresa afirmou que a poeira se formou através de uma longa parada de uma operação, e que ao dar partida no moinho de farinha, por volta das 15h30, da última quarta-feira (14), a máquina desarmou em função de uma falha na bomba de lubrificação, o que gerou uma evasão momentânea de poeira de calcário e argila. Ainda segundo a nota o processo foi normalizado imediatamente.

Confira a nota na íntegra:

“A LafargeHolcim informa que, após longa parada da operação, ao dar a partida no moinho de farinha ontem (14/05), por volta das 15h30, a máquina desarmou em função de uma falha na bomba de lubrificação, o que gerou evasão momentânea de poeira de calcário e argila. O processo foi normalizado imediatamente. A LafargeHolcim cumpre todas as legislações ambientais vigentes e mantém abertos os canais de comunicação com a comunidade para esclarecimentos, pelo (32) 3359-3200 (segunda a sexta, entre 8h às 17h) e pelo WhatsApp (32) 99912-2185.”

Essa não é a primeira vez que a empresa tem falhas seguido de grande acúmulo de poeira dentro de suas limitações. Algo que acaba sendo alvo de crítica e indignação de moradores da cidade, além de órgãos públicos.

Foto enviada via WhatsApp

Fonte : Rádio Liberdade de Barroso FM 98,7